Cidade em Tempo Real

Projeto de Lei cria sistema de alerta para auxiliar na busca de celulares roubados no Piauí


Cerca de 63 celulares são roubados por hora nas principais capitais brasileiras, sendo que este número é composto apenas pelos casos registrados em boletins de ocorrência. Somente em Teresina, segundo dados da Secretaria Estadual de Segurança Pública, entre os anos de 2017 a 2018, a quantidade de roubos de celulares aumentou em 15% somente em Teresina.

Diante do problema, o deputado estadual Dr. Hélio (PR) apresentou à Assembleia Legislativa o Projeto de Lei intitulado de Alerta Celular, que propõe a disponibilização de um sítio eletrônico para cadastro de celulares pelo Identificador Internacional de Dispositivo Móvel (IMEI) e seu respectivo proprietário em um banco de dados digital. Sendo o aparelho celular recuperado em operações policiais, o mesmo identificador será inserido no banco de dados do sistema e, se for o mesmo cadastrado por um usuário, a vítima será contatada para resgatá-lo.

“O nosso objetivo é criar mais um mecanismo que auxilie na devolução dos celulares roubados que foram recuperados pela polícia, gerando mais eficiência e rapidez no processo de entrega aos sus respectivos donos. O projeto de lei está tramitando na Assembleia Legislativa e, em breve, espero que seja mais um mecanismo que auxilie no trabalho da polícia”, afirma Dr. Hélio.

O cadastro será realizado pelo usuário no sítio eletrônico a ser criado, onde deverá informar nome completo, CPF, o IMEI do celular a ser cadastrado e correio eletrônico ou outra forma de contato. Havendo furto ou roubo do celular, o usuário deverá ativar o modo alerta no sítio eletrônico, notificando o crime ocorrido.

Ainda de acordo com o texto do projeto, o cadastro poderá ser realizado como forma de prevenção, ou mesmo após ter sido o aparelho celular furtado ou roubado.

Deixe seu comentário