Boletim desmente morte cerebral e médicos descartam meningite de jornalista

Os profissionais continuam avaliando o quadro do paciente para emitir um novo diagnostico.

Foto: Foto: reprodução Egídio Brito
Egídio Brito

Um boletim médico divulgado na tarde desta segunda-feira (30/09), desmente a informação de que o jornalista Egídio Brito faleceu vítima de meningite. Segundo o boletim, o quadro clínico do jornalista permanece estável.

Foto: Foto: reproduçãoBoletim médico
Boletim médico

Internado deste o dia 27 de setembro em um hospital particular de Teresina, Egídio teve morte cerebral confirmada no domingo (29), logo após ser diagnosticado por uma meningite meningocócica. 

O jornalista segue internado na UTI e segundo o boletim, o diagnóstico de meningite foi descartado ontem (30), pelos médicos. Porém, os profissionais continuam avaliando o quadro do paciente para emitir um novo diagnostico.

A família de Egídio Brito informa também que não há mais suspeita de morte cerebral. 

Fonte: Redação

Deixe seu comentário