Brasiliense vence Vila Nova fora de casa na semifinal da Copa Verde

Com vitória por 2 a 0, time leva vantagem no jogo da volta, na quinta.
Por Redação Verdes Campos Sat 15 de Fevereiro de 2021 às 09:58

Foto: Reprodução Twitter/Brasiliense Futebol Clube Brasiliense vence Vila Nova fora de casa na semifinal da Copa Verde.
Brasiliense vence Vila Nova fora de casa na semifinal da Copa Verde.

O Brasiliense saiu na frente na busca por uma vaga na final da Copa Verde 2020, ao vencer fora de casa o Vila Nova por 2 a 0 no primeiro duelo da semifinal. A partida, disputada na tarde deste domingo (14), no estádio Onésio Brasileiro Alvarenga, em Goiânia, foi transmitida ao vivo pela TV Brasil. Com a vitória, o Jacaré leva vantagem no jogo da volta, na próxima quinta-feira (18), em Taguatinga (DF): pode até perder por 1 a 0 que mesmo assim se classifica à final. Se o Vila Nova devolver o placar de hoje (14), o finalista será conhecido após cobrança de pênaltis.  

Apesar do mando de campo a seu favor, o Vila Novo não começou bem no jogo. Logo aos seis minutos, o Tigrão precisou substituir o meia Pedro Bambu - com dores na coxa - por Celsinho. E não demorou muito para que os visitantes abrissem o placar, aos 15 minutos, com um golaço de Jefferson Maranhão, da entrada da área, após passe de Zé Love que aproveitou saída de bola errada do goleiro Fabrício. Na sequência, aos 20 minutos, Maurinho invadiu a área do Brasiliense e caiu  ao tentar passar por Badhuga. O Vila Nova pediu pênalti, mas o árbitro não marcou. A Copa Verde não conta com o auxílio do Árbitro de Vídeo (VAR). 

Mais organizado em campo, o Brasiliense teve boa chance de ampliar o placar com um chute cruzado venenoso de Diogo, aos 28 minutos, mas a bola desviou na marcação. Na tentativa de melhorar a defesa do Tigrão, o técnico fez duas substituições aos 32 minutos: Éder entrou no lugar de João Pedro, e Simon assumiu a  posiçao de Willian Formiga na lateral esquerda do Vila Nova.  Minutos depois, Alan Mineiro quase empata para os donos da casa, numa bela cobrança de falta que bateu na trave.  Aos 37, em outra falta a favor do Tigrão, o goleiro Sucuri defendeu em dois tempos cobrança de Dudu.  

Na volta do intevalo, aos sete minutos, Zotti invadiu a área pela esquerda e ampliou com um chute cruzado de canhota. E não parou por aí: os visitantes quase fizeram o terceiro gol dez minutos depois, com um chute de Maicon Assis no travessão. A blitz do Jacaré seguiu com Zotti, aos 19 minutos, que bateu com perigo, mas Fabrício defendeu. A partir daí, o Vila Nova se organizou na defesa e se esforçou para diminuir o prejuízo em bolas paradas. Aos 21 minutos, Alan Mineiro quase marcou em cobrança de falta, mas o goleiro Sucuri defendeu. Na sequência, após escanteio, a bola sobrou para Henan que chutou, mas ela foi para fora, rente à trave. A superioridade do Brasiliense sobressaiu até o final da partida: os visitantes ainda desperdiçaram várias chances de ampliar o placar mas o jogo terminou mesmo em 2 a 0 a favor da equipe de Brasília. 

Fonte: Agência Brasil

Deixe seu comentário