Corretores de imóveis precisam se adequar à era digital na pandemia

Uso das redes sociais potencializa a conexão com o consumidor
Por Redação Verdes Campos Sat 21 de Julho de 2021 às 16:56

Foto: Divulgação Corretores de imóveis precisam se adequar à era digital na pandemia
Corretores de imóveis precisam se adequar à era digital na pandemia

Na era tecnológica, se adequar ao meio digital se faz fundamental para conseguir acompanhar as inovações e transformações em todos os segmentos econômicos e sociais. No ramo do mercado imobiliário a realidade não é diferente. A pandemia da Covid-19 trouxe uma nova configuração na relação cliente e consumidor, exigindo mais maleabilidade e criatividade para conquistar o público-alvo, cada vez mais imerso nas redes sociais.

Apostar em uma comunicação assertiva e cativante é algo essencial. Assim, estar atento às potencialidades dos recursos tecnológicos contribui significativamente para compreender os desejos dos consumidores. Para além do entretenimento, as redes sociais funcionam como espaços de divulgação e reforço de marcas. Os corretores de imóveis, por exemplo, têm como possibilidade o uso desses meios para estabelecer vínculos profissionais e humanos com prováveis clientes. 

Segundo Pedro Nogueira Lima, presidente do Conselho Regional de Corretores de Imóveis do Piauí (CRECI-PI), é imprescindível a adequação dos corretores de imóveis aos meios digitais para potencializarem a conexão com o consumidor, sobretudo no cenário de pandemia. “O mercado imobiliário está vivendo um ponto de inflexão. É uma virada de chave. O corretor de imóveis tem que se comportar de outra forma. Estamos cientes da importância do marketing digital e como ele ajuda na rotina de trabalho. Os profissionais que não se atualizam, ficam para trás e perdem oportunidades”, observa.

A perspectiva para o crescimento do setor é positiva. Dados da Associação Brasileira de Incorporadoras Imobiliárias (Abrainc) apontam que as vendas de imóveis devem crescer cerca de 35% em 2021 quando comparado ao ano passado. Embora com o contexto de pandemia, em 2020 o segmento avançou cerca de 26% em relação a 2019.

Mesmo com o cenário favorável para o setor imobiliário, a pandemia continua a gerar incertezas, por isso utilizar a tecnologia e iniciar o processo de divulgação digital são potenciais aliados para contornar eventuais dificuldades.

Deixe seu comentário