Drones e câmeras de videomonitoramento reforçarão segurança no Corso de Teresina

Representantes da Secretaria Estadual de Segurança se reúnem com os organizadores do evento para uma visita técnica na avenida Raul Lopes, na zona Leste da capital

Faltando poucos dias para o tradicional Corso de Teresina, representantes da Secretaria Estadual de Segurança se reúnem com os organizadores do evento para uma visita técnica na avenida Raul Lopes, na zona Leste da capital, na manhã desta segunda-feira (11).



Para garantir a tranquilidade dos foliões, a segurança contará com o apoio de quase mil agentes entre policiais Militares, Civis e Corpo de Bombeiros. Além do efetivo, serão instaladas 10 câmeras de videomonitoramento ao longo do percurso e o uso de drones interligados com o Centro Integrado que será montado no local.

“O Centro será instalado na véspera do evento, onde na manhã do sábado, dia 23, iniciará o funcionamento até a manhã do domingo, dia 24. É deste ponto que teremos todo comando e controle do evento, assim como um ponto de atendimento para população para registro de boletins, com delegacias especializadas como a da Mulher e a de Direitos Humanos”, explicou o major Audivam Nunes, coordenador do Centro.



O esquema de segurança não contempla somente o percurso da folia, 600 homens da polícia militar estarão em pontos estratégicos que dão acesso a avenida com auxílio de viaturas, motocicletas e homens da cavalaria. “Vamos realizar bloqueios nas entradas das pontes, vistoria nos foliões para evitar o porte de armas ou objetos perfurantes, além de 20 elevados em pontos espalhados em pontos estratégicos”, complementou o comandante do policiamento especializado da policia militar, coronel Sousa Filho.



Além da Segurança, também estiveram presentes na visita técnica os representantes da Prefeitura Municipal, Strans e da Guarda Municipal.

Deixe seu comentário