Em Altos, Luis Pé de Ferro é o novo presidente da agremiação do PCdoB

23 de Setembro de 2019 às 18:06

Foto: Reprodução/Web PCdoB
PCdoB

Em um ano pré eleitoral, o PCdoB de Altos Piauí realizou na manhã do  último Domingo (22) no plenário câmara, conferência municipal, com o objetivo de eleger o novo diretório e traçar planos para o pleito de 2020. Luis pé de ferro é o novo presidente da agremiação, tendo como vice, José Claro. Nomes que fizeram parte do diretório anterior como: Adonias Higino, J. Santos, Tony Silva, entre outros, foram reconduzidos ao novo diretório.

Presentes na solenidade, convidados, filiados e simpatizantes, além de lideranças como: Zé Carvalho, vereador de Teresina Enzo Samuel, e a deputada estadual e presidente da FETAG,  Elisângela Moura, além da presidente do MDB de Altos, Mariínha do Zeca, vereadora Maria Teresa, o presidente da Câmara, Maxwell da Mariínha e delegado Paulo Pires. Ao discursar na tribuna, Maxwell, pré candidato a prefeito de Altos pelo MDB, demostrou interesse em poder contar com o apoio do PCdoB na corrida pela prefeitura de Altos em 2020.

Quem também fez um discurso bastante afinado com o novo projeto foi a vereadora Maria Teresa, que ao final da solenidade recebeu um convite do cantor Tony Silva, secretário de comunicação do PCdoB de Altos, para filiar-se a agremiação. Por sua vez, Maria Teresa, não descartou, agradeceu o convite e frisou que tem até abril de 2020 para aguardar as janelas. Insatisfeito com a situação do do partido dos trabalhadores na cidade, o petista histórico, professor Fernando, também se fez presente exibindo um cartaz do ex presidente Lula.

Para Zé Carvalho, Enzo Samuel e Elizângela Moura, o partido deve lançar uma chapa competitiva para buscar representatividade na câmara e deverá marchar com quem tiver o discurso mais aproximado com a ideologia do partido, porém sem radicalismo. "Cada partido tem a sua ideologia e não vejo necessidade de se radicalismo, isso seria um retrocesso." Enfatizou Zé Carvalho.

Deixe seu comentário