Em Teresina HUT abre protocolo de morte encefálica de criança baleada

Confira a nota do HUT na íntegra

Foto: Reprodução \ Web Imagem ilustrativa
Imagem ilustrativa

A equipe médica do Hospital de Urgência de Teresina (HUT), informou através de uma nota que foi aberto o Protocolo de Morte Encefálica da criança de iniciais D.Y.S.L de apenas 1 ano e 4 meses, que foi baleada na cabeça na última quinta-feira (05), no bairro Planalto Bela Vista, na zona Sul de Teresina. 

A criança foi baleada na noite da última quarta-feira (04), enquanto estava nos braços de sua mãe em uma motocicleta conduzida pelo pai, Darley da Silva Leite, de 27 anos que foi executado a tiros por criminosos que o abordaram e efetuaram os disparos de arma de fogo.

De acordo com informações do HUT, o protocolo de morte encefálica foi aberto na segunda-feira (09) e já foram realizadas as duas avaliações clinicas, restando apenas o exame de imagem para concluir o protocolo e apontar se há ou não atividade cerebral.

Confira a nota do HUT na íntegra

O HUT comunica que foi aberto dia 08 de setembro o Protocolo de Morte da criança D Y S L de 1 ano e quatro meses de idade. O protocolo, conforme a resolução nº 1.400, de 08 de agosto de 1997, do Conselho Federal de Medicina (CFM), é composto por duas avaliações clínicas neurológicas e um exame de imagem. Para que todas essas etapas sejam cumpridas com segurança o paciente tem que está com seu quadro de saúde estável. Como por exemplo, temperatura e pressão arterial, sem variações. Os dois exames clínicos já foram realizados. O exame de imagem será feito assim que a criança apresentar estado clínico favorável. O não cumprimento desses cuidados pode comprometer o resultado final dos exames.

Fonte: Redação

Deixe seu comentário