Filha denuncia pai por estupro em rede social no MA: 'Tinha que beijá-lo à força'

Filha relatou o crime em uma rede social e diz que a mãe era conivente com o crime. Casal foi preso neste domingo (25) pela Delegacia da Mulher de Zé Doca.

Foto: Reprodução / Internet Parte do relato da vítima em uma rede social dizendo que era estuprada pelo pai e que a família era conivente com o crime (parte 1)
Parte do relato da vítima em uma rede social dizendo que era estuprada pelo pai e que a família era conivente com o crime (parte 1)

Uma mulher relatou em uma rede social que era estuprada pelo pai e que a mãe era conivente do crime, que estaria acontecendo dentro da casa da família em Governador Newton Belo, a cerca de 115 km de São Luís . Após a postagem, neste domingo (25) a Delegacia Especial de Atendimento à Mulher de Zé Doca prendeu o casal Edmar Cavalcante Neves e Rosinete Neves.

Segundo a vítima, ela era forçada a beijar o pai. Ela diz ainda que, ao contar o caso, foi ignorada e desprezada pela própria família, que estaria culpando as pessoas erradas.

A Polícia Civil preferiu não dar detalhes sobre o caso para preservar a vítima e as investigações, como também não informou o porquê da vítima preferir denunciar pelas redes sociais, ao invés de ir a uma delegacia.

Foto: Reprodução / InternetRelato da vítima em uma rede social dizendo que era estuprada pelo pai e que a família era conivente com o crime (parte 2)
Relato da vítima em uma rede social dizendo que era estuprada pelo pai e que a família era conivente com o crime (parte 2)

Fonte: G1 Maranhão

Deixe seu comentário