Pacotes suspeitos são enviados a embaixadas e consulados na Austrália

Polícia local anunciou que alguns dos pacotes têm conteúdo inofensivo; ao menos dez sedes diplomáticas foram atingidas

Foto: (James Ross/AAP Image/Reuters) Bombeiro carrega sacos de um material perigoso para o consulado sul-coreano em Melbourne, na Austrália
Bombeiro carrega sacos de um material perigoso para o consulado sul-coreano em Melbourne, na Austrália

 Autoridades da Austrália investigam pacotes suspeitos encontrados em pelo menos uma dezena de consulados e sete embaixadas nas cidades de Melbourne e Camberra nesta quarta-feira, 09.

Os consulados do Reino Unido, Suíça, Estados Unidos e Paquistão estão entre os afetados. “Os pacotes estão sendo examinados pelo serviço de emergência e as circunstâncias investigadas”, disse a Polícia Federal Australiana (AFP). Um representante da diplomacia britânica garantiu estar “trabalhando junto às autoridades locais”, destacando que “toda a equipe está segura e foi localizada.”

Investigadores de Melbourne dizem acreditar que os incidentes são “isolados e sem impacto na comunidade geral”.

Peter Erb, marido da cônsul honorária da Suíça, Manuela Erb, disse que o consulado do país recebeu um pequeno envelope contendo uma substância identificada como “asbestos”: “Nós imediatamente o colocamos em outra bolsa e ligamos para a emergência, que levou o pacote”, relatou à BBC, “mas nós sabemos agora que o item não era tóxico.”

O consulado americano também notificou autoridades sobre um pacote suspeito, disse um porta-voz à Reuters. Na segunda-feira 07, embrulhos suspeitos contendo uma substância branca também foram enviados ao consulado da Argentina em Sydney. Mais tarde eles foram considerados inofensivos.

Joseph Petri?, cônsul geral da Croácia em Melbourne, disse à CNN que a correspondência suspeita foi recebida pela caixa postal padrão, contendo três pequenas embalagens. Elas foram retiradas pelas autoridades e o escritório não foi evacuado.

Alguns dos pacotes ainda estão sendo analisados. Carros de emergência e funcionários com roupa de proteção foram vistos perto dos consulados da Índia, Coreia do Sul, Nova Zelândia, Grécia, Itália e França, de acordo com a filial australiana da ABC News. Imagens das ruas isoladas circulam nas redes sociais.


Deixe seu comentário