PI: Operação prende 8 policiais suspeitos de fraudar concurso público

Dos nove alvos de mandados de prisão, oito são policiais militares.

Foto: Reprodução \ Internet Suspeito de fraude em concurso da PMPI é preso em Teresina
Suspeito de fraude em concurso da PMPI é preso em Teresina

A Polícia Civil do Piauí prendeu nove pessoas, sendo oito Policiais Militares do Piauí, suspeitos de terem ingressado no concurso público da Policia Militar do estado, realizado em 2014, através de fraudes. As prisões foram feitas nesta terça-feira (13) por meio da 'Operação Fraudulenti'.

A operação tem como objetivo cumprir nove mandados de prisão temporária e nove mandados de busca e apreensão expedidos pela 1° Vara Criminal da Comarca de Teresina. Dos oito PMs presos, dois estavam no quartel da cidade de Simões, a 430 km de Teresina, de plantão.

Participam da operação 30 policiais civis, com o apoio da Polícia Militar. A ação foi realizada pela Delegacia de Combate à Corrupção (Deccor). Os presos são suspeitos de fraude a certame de interesse público, furto e associação criminosa.

segundo a delegada Tatiana Fregueiro, a investigação iniciou após a confissão de alguns presos em operações anteriores. 

A investigação teve inicio em 2015 quando após o concurso, um funcionário de uma gráfica acabou confessando que pegou a prova e repassou para outros candidatos. A policia estava no curso das investigações, e hoje foram cumpridas nove prisões temporárias, relatou a delegada.

Segundo ela, o líder do grupo é o Gitã Duarte Ferro, que foi preso em São Luís, no Maranhão, ela ainda explica que tudo surgiu do furto da prova, existem provas do vazamento, não existe prova do comercio do gabarito, há indícios de que outros militares tenham entrado no concurso através do mesmo esquema criminoso.

Agora será dado inicio ao conselho de disciplina para apurar a possibilidade da exclusão deles, se comprovado a fraude serão excluídos, existe o tempo previsto regulamentar como no caso do inquérito podendo extrapolar esse prazo até chegar a uma investigação bem feita, as vezes o prazo é de 30 dias.

Fonte: Redação

Deixe seu comentário