Piauí Conectado gera em um ano 150 empregos para jovens piauienses

Durante um ano de atividades da Piauí Conectado no estado, cerca de 150 empregos foram gerados e várias pessoas tiveram a oportunidade de ter uma renda fixa.

Foto: CCOM Empregos gerados pela Piauí Conectado
Empregos gerados pela Piauí Conectado

Com o objetivo de inserir jovens piauienses no mercado de trabalho, o programa que gera mais tecnologia para o estado, Piauí Conectado, desenvolve programas de aprendizagem, que consistem na admissão de jovens na empresa. Um dos programas é o Jovem Aprendiz, que é o primeiro contato do jovem com o mercado e promove o desenvolvimento de atividades profissionais. Além disso, os aprendizes participam de cursos profissionalizantes e se capacitam para estarem preparados para o futuro.

O Projeto Piauí Conectado possui contrato na modalidade de Parceria Público-Privada (PPP) com o Governo do Estado para modernizar a comunicação do Piauí e levar soluções por meio da tecnologia.

Durante um ano de atividades da Piauí Conectado no estado, cerca de 150 empregos foram gerados e várias pessoas tiveram a oportunidade de ter uma renda fixa. 

A Piauí Conectado iniciou as obras no estado em junho de 2019 e, desde então, vem recebendo currículos de pessoas interessadas em trabalhar e se especializar na área de tecnologia. Atualmente, já foram analisados mais de 3.000 currículos.

Alguns jovens destacam como uma grande oportunidade para que está à procura de conhecimento e trabalho. É o caso da estudante Maria Eduarda Brito, que conseguiu na Piauí Conectado sua primeira experiência profissional. A jovem de 18 anos trabalha no atendimento ao público na agência da Caixa Econômica do Parque Piauí, em Teresina, e acredita que a oportunidade lhe ajudará futuramente.

“Vai me ajudar muito porque estou ganhando experiência. Obtive habilidades para falar com as pessoas, perdendo a timidez. E estou evoluindo, aprendendo a cada dia. Geralmente quando é o primeiro emprego, exige-se pessoas que já tenham experiência. E a Piauí Conectado me deu uma boa oportunidade de começar”, afirma a jovem.

Vale lembrar que aqueles que já está inserido no mercado de trabalho também tem chances. Trabalhando há 12 anos na área de tecnologia, Rafael Soares esteve desempregado por cinco meses antes de ingressar no quadro de funcionários da Piauí Conectado, onde atua como analista de suporte. Rafael conta que busca cursos de atualização na sua área e conta com os cursos da Cisco Academy para se capacitar ainda mais.

“Nosso objetivo sempre é crescer e procurar cada dia mais a excelência no trabalho. É uma grande alegria trabalhar com profissionais que estão sempre dispostos a compartilhar conhecimento. Espero continuar nessa caminhada durante muitos anos para crescer junto com a empresa, crescer profissionalmente e como pessoa”, comenta o analista de suporte.

Para saber mais sobre a Piauí Conectado acesse: https://www.piauiconectado.com.br/

Deixe seu comentário