“Delegado foi internado compulsoriamente”, esclarece secretário

Informações davam conta de que Laércio Eulálio teria sido sequestrado na zona Leste de Teresina

Foto: Reprodução \ Internet Informações dão conta de que Laércio Eulálio teria sido sequestrado na zona Leste de Teresina
Informações dão conta de que Laércio Eulálio teria sido sequestrado na zona Leste de Teresina

Atualizada às 12h30

"Na verdade ele não foi sequestrado trata-se de um problema pessoal, parte da familia tomou a decisão de interná-lo compulsoriamente" esclareceu o secretário de Segurança Pública do Piauí, Fábio Abreu sobre o desaparecimento do delegado de Polícia Civil Laércio Eulálio.

Circula nas redes sociais um Boletim de Ocorrência, no qual aponta que o delegado de Polícia Civil Laercio Eulálio teria sido sequestrado na manhã deste domingo (17).

Em vídeo divulgado, Fábio Abreu desmentiu a informação e explicou que o delegado estava passando por problemas pessoais.

"O delegado vai para tratamento. Esperamos seu breve retorno ao convívio profissional, policial e consequentemente o convívio familiar", disse.

Confira o vídeo:

Boletim de Ocorrência 

De acordo com o B.O. registrado pelo pai de Laércio, Lauro Herbert de Araujo Lima, o porteiro do condomínio em que o delegado mora, localizado no bairro Joquei, zona Leste de Teresina relatou que Laércio havia saído para fazer sua caminhada habitual por volta das 06h, quando teria sido abordado por desconhecidos que o forçaram a entrar em um carro de cor vermelha.

O fato teria sido presenciado pela namorada do delegado Laércio Evangelista, segundo o relato do pai. Lauro Herbert afirmou ainda no boletim que desde então, ao ligar para o celular de Evangelista, ele consta como desligado ou fora da área de cobertura.

A reportagem entrou em contato com a Secretaria de Segurança Pública do Piauí, que através de nota, negou o sequestro do delegado Laércio Evangelista.

Confira a nota na íntegra:

Nota

A Delegacia Geral de Polícia Civil do Estado do Piauí esclarece que o DPC Laércio Eulálio foi internado para tratamento de saúde, segundo informações de  familiares. Infelizmente, não houve comunicação imediata aos pais do delegado sobre o procedimento de internação. Por conta disso, o pai do DPC registou boletim de ocorrência narrando suposto sequestro. Prontamente a Polícia Civil diligenciou e esclareceu o ocorrido.
O delegado Laércio Eulálio ficará  afastado das atividades profissionais enquanto for necessário para a sua plena recuperação médica.

Veja o Boletim de Ocorrência:

Foto: ReproduçãoBoletim de ocorrência registrado pelo pai do delegado
Boletim de ocorrência registrado pelo pai do delegado

Deixe seu comentário