Polícia prende seis suspeitos por realizar assalto em banco

Um dos suspeitos é acusado de praticar dois estupros em menos de 24 horas em Teresina.

A Polícia Civil prendeu na tarde desse último domingo (05), seis suspeitos de integrar uma quadrilha que praticavam diversas ações criminosas, dentre elas um assalto realizado na agência bancária do município de Pindaré-Mirim, no estado do Maranhão. Os criminosos foram presos no bairro Catarina, região sul de Teresina.

De acordo com o Coordenador do Grupo de Repressão ao Crime Organizado (Greco), Delegado Tales Gomes, durante a operação foram apreendidos pelos criminosos, explosivos, um simulacro de arma de fogo, um revólver com cinco munições intactas e uma quantia no valor em aproximadamente R$ 140 mil, as notas estavam manchadas de tinta por dispositivo antifurto dos caixas eletrônicos.

De acordo com informações do Gerente de Polícia Especializada, Delegado Mateus Zannata, um dos integrantes da quadrilha, é suspeito de ter praticado dois estupros em menos de 24 horas na capital.

“Em menos de 24 horas, a equipe do Greco, recebeu a informação que em Teresina, houve dois roubos, seguido de estupros. Durante as investigações, conseguimos prender o indivíduo acusado de estrupo, que confessou os crimes praticados na capital, além de ter cometidos outros estupros na cidade de Santa Inês no Maranhão e em Araguaína, no estado de Tocantins”, disse o Delegado.

A ação foi desenvolvida pelo Greco, Gerência de Polícia Especializada e a Coordenadoria de Recursos Especiais, com o apoio da Força Tarefa da Secretaria de Segurança Pública do Piauí. Os policiais continuam em investigações para verificar todas as ações criminosas realizadas pelos suspeitos.

Deixe seu comentário