População denuncia falta de estrutura no hospital Municipal de Altos

O local não possui higiene adequada para um ambiente hospitalar. A equipe do portal TVCanal13 flagrou sangue no chão da sala de curativos

Imagem: TvCanal13Populares esperando atendimento(Imagem:TvCanal13)Populares esperando atendimento



A população do município de Altos ( a 35 Km de Teresina) denunciou ao portal TvCanal13.com a total falta de estrutura do hospital Municipal José Gil Barbosa. Inaugurado nos anos 80, o hospital é o principal da região, e atende diariamente vários pacientes locais e de povoados adjacentes.



Imagem: Izabella TorresClique para ampliarFalta de higiene do local.(Imagem:Izabella Torres)Falta de higiene do local.



O local não possui higiene adequada para um ambiente hospitalar. A equipe do portal TVCanal13 flagrou, inclusive, sangue no chão da sala de curativos. Outro problema é a falta de estrutura hidráulica do hospital. Segundo um funcionário, quando chove é impossível ficar dentro do local por conta das inúmeras goteiras lá existentes.



A mãe de uma criança que esperava atendimento médico, disse que fica indignada com a inércia dos profissionais da saúde do hospital. “Esses médicos daqui só passam o mesmo remédio para os nossos filhos. Pra eles, as crianças só possuem uma doença: verme. A consulta não dura nem dez minutos”, afirmou Silmara Fortes.





Imagem: Izabella Torres/TvCanal13Flagra(Imagem:TvCanal13)Flagra



Imagem: Izabella Torres/TvCanal13Flagra(Imagem:TvCanal13)Flagra



Pacientes do hospital afirmam que vêem nos funcionários, vontade de prestar um bom serviço de saúde à população. “Eu percebo que o povo que trabalha aqui faz o que pode para atender a gente bem. Mas isso fica bem difícil sem o incentivo do poder público”, explicou Ismênia Sousa.



Segundo informações, o hospital não disponibiliza à comunidade exames indispensáveis nos diagnósticos de doenças. “Nem um simples hemograma é oferecido aqui. Isso é um absurdo”, disse Edson Dias. No hospital há carência de médicos especializados. De acordo com pacientes, só um médico atende no hospital e o mesmo ainda é clínico geral. 



Imagem: Izabella Torres/TvCanal13Flagra(Imagem:Izabella Torres/TvCanal13)Flagra



Imagem: Izabella Torres/TvCanal13Flagra(Imagem:Izabella Torres/TvCanal13)Flagra



Na sala de radiografia, registramos a precariedade da sala de câmara escura, lugar onde é feita a revelação de filmes de raio-x. O protetor individual de chumbo, é antigo e não protege com eficácia os funcionários e pacientes dos efeitos da radiação. No local também flagramos um aparelho de Raio-X odontológico, que de acordo com informações, está em ótima condição de funcionamento, mas não é usado pelo Hospital.



Imagem: Izabella Torres/TvCanal13Flagra(Imagem:Izabella Torres/TvCanal13)Flagra



Imagem: Izabella Torres/TvCanal13Flagra(Imagem:Izabella Torres/TvCanal13)Flagra



Imagem: Izabella TorresFachada do Hospital(Imagem:Izabella Torres)Fachada do Hospital



Os pacientes também reclamaram da quantidade de médicos, alegando que são poucos para os atendimentos.



O portal TvCanal13 tentou falar com o diretor-geral do Hospital, mas ele não foi localizado no momento da reportagem.



A reportagem entrou em contato com a assessoria de imprensa da prefeitura de Altos, através de Franklin Sobrinho que falou sobre o assunto. "Já enviamos projetos para o Ministério da Saúde para melhoria física do hospital. Estamos aguardando emendas dos parlamentares para podermos fazer reformas e melhorar o hospital. Quanto a quantidade de médicos, tem dias que tem dois ou três atendendo os pacientes. Ou então o próprio prefeito faz atendimentos no hospital, pois saúde é uma de suas maiores preocupações. O valor que é repassado para o hospital é de 50 mil, e é gasto cerca de mais de 100 mil. Mesmo sem uma boa verba tentamos fazer o melhor e realizamos exames como o hemograma. Estamos tentanto organizar para oferecer um melhor atendimento no hospital e estamos aguardando  mais verbas das emendas parlamentares", explicou.


Deixe seu comentário