Reforma da previdência é aprovada na Assembleia Legislativa do Piauí

Os únicos votos contrários foram dos deputados Marden Menezes (PSDB), Teresa Britto (Progressistas), Gustavo Neiva (PSB) e Lucy Soares (Progressistas).

Foto: Alepi Deputados discutem reforma da previdência
Deputados discutem reforma da previdência

O projeto da Reforma da Previdência foi aprovado nesta quarta-feira (11), em primeira e segunda votação, por 24 votos a favor e 4 quatro votos contrários. Os únicos votos contrários foram dos deputados Marden Menezes (PSDB), Teresa Britto (Progressistas), Gustavo Neiva (PSB) e Lucy Soares (Progressistas).

Na audiência pública realizada durante toda a manhã foram ouvidos 20 representantes das entidades sindicais dos servidores do Estado. Antes da segunda votação, o líder do Governo, Francisco Limma (PT), colocou em votação um requerimento pedindo a suspensão do intertício de 3 sessões para a segunda votação, que foi aprovado pela maioria.

A redação final será votada na próxima semana. O presidente da Assembleia, abriu a sessão plenária com a leitura da Ata da sessão anterior, feita pelo deputado Bessah (PP). Em seguida, foram lidos os requerimentos apresentados pelos parlamentares, inclusive o pedido de urgência da liderança do Governo para votação das propostas de reforma da Previdência e a emendas propostas pelos deputados ao texto original da PEC 3 e do projeto de lei 53/2019.

Antes de votar as matérias, Themístocles Filho consultou as lideranças e suspendeu a sessão para votação da urgência para apreciação das emendas parlamentares à reforma, em reunião conjunta das comissões técnicas da Assembleia Legislativa.

Aprovada a suspensão da sessão, os deputados se reuniram na sala da Comissão de Constituição e Justiça para votar o novo pedido de urgência, proposto do líder Francisco Limma (PT), para apreciação das emendas propostas à reforma da Previdência dos servidores públicos do Estado.

Fonte: Alepi

Deixe seu comentário