Torcedores violentos não poderão entrar no Brasil durante a Copa América

None

Foto: Reprodução / Internet A Copa América será disputada entre 14 de junho e 7 de julho em cinco cidades brasileiras
A Copa América será disputada entre 14 de junho e 7 de julho em cinco cidades brasileiras

O Brasil vai impedir a entrada em seu território de torcedores estrangeiros violentos até o final da Copa América que ocorre de 14 de junho até 7 de julho, anunciou nesta segunda-feira o ministério da Justiça e Segurança Pública.

"Os servidores com atuação no controle fronteiriço e em atividades de fiscalização migratória nos portos, aeroportos internacionais e pontos de fiscalização terrestre de migração aplicarão a medida de impedimento de ingresso no território nacional a todo estrangeiro cujo nome conste nos sistemas de controle migratório como 'membro de torcida envolvido em violência em estádios', durante o período da Copa América Conmebol Brasil 2019", informou o ministério em um decreto publicado no Diário Oficial da união.

A medida entra em vigor a partir de sua publicação, explicou o ministério.

Segundo responsáveis da Conmebol citados pela Agência Brasil, serão usados nos estádios sistemas de reconhecimento facial para detectar eventuais torcedores problemáticos.

A Copa América será disputada em cinco cidades: Belo Horizonte, Porto Alegre, Rio de Janeiro, Salvador e São Paulo. Vão participar 12 seleções, dez delas da América do Sul - Brasil, Argentina, Bolívia, Chile, Colômbia, Equador, Paraguai, Peru, Uruguai e Venezuela - e Catar e Japão como convidados.

A partida de abertura será entre Brasil e Bolívia no estádio do Morumbi, em São Paulo, e a final será disputada no Maracanã, no Rio de Janeiro.

Fonte: Yahoo

Deixe seu comentário