Traficantes flagrados com mais de uma tonelada de cocaína em aeronaves são presos novamente

Justiça acatou pedido do MP e decretou novamente a prisão dos acusados

Foto: Reprodução Justiça decretou novamente prisão de suspeitos flagrados com mais de uma tonelada de cocaína em aeronaves
Justiça decretou novamente prisão de suspeitos flagrados com mais de uma tonelada de cocaína em aeronaves

A 2ª Câmara Especializada Criminal do Tribunal de Justiça do Piauí (TJ-PI) decretou novamente a prisão de André Luís de Oliveira Cajé Ferreira, Vagner Farabote Leite e Alexandro Vilela de Oliveira. Os acusados foram presos, em dezembro do ano passado, em Teresina, com mais de uma tonelada de cocaína, e ainda, na posse de duas aeronaves.

A decisão atendeu a um recurso apresentado pela 20ª Procuradoria de Justiça, que solicitou a reconsideração da decisão do desembargador José Ribamar Oliveira. No último dia 26 de dezembro, o membro do Tribunal de Justiça, durante o plantão judicial, concedeu habeas corpus que libertou os três presos.

A decisão dessa terça-feira (13) foi proferida pelo desembargador Joaquim Dias de Santana Filho. Segundo o MP, no último dia 09, foi pedida a reconsideração da decisão de soltar os suspeitos, por entender que a manutenção da prisão preventiva dos três era necessária para garantir a ordem pública e a aplicação da lei penal.

Além disso, o MPPI considerou que existia a possibilidade de fuga dos réus, a necessidade de contenção da organização criminosa, a periculosidade dos presos, os riscos à saúde e à ordem pública.

O recurso foi assinado pela procuradora de Justiça Zélia Saraiva Lima. A atuação no processo resulta de trabalho conjunto do Núcleo das Procuradorias Recursais do Ministério Público, composto pela 19ª e 20ª Procuradorias de Justiça.

Deixe seu comentário