Único a jogar todas pós-Copa, Richarlison quer sequência na Seleção "até se aposentar"

Atacante chega a 11 partidas seguidas e diz que vaia no fim do primeiro tempo deu força à Seleção para chegar à vitória na etapa final

Foto: Reprodução\ Web Richarlison durante a vitória da seleção brasileira sobre a Bolívia
Richarlison durante a vitória da seleção brasileira sobre a Bolívia

Só Richarlison disputou todas as partidas da seleção brasileira depois da Copa do Mundo da Rússia. Com a ausência de Arthur na vitória por 3 a 0 sobre a Bolívia, o atacante completou 11 jogos isoladamente. Cada vez mais sólido na formação de Tite, e com seu carisma habitual, ele respondeu por quanto tempo deseja esticar essa permanência na equipe.

– Ah, vai até eu me aposentar. Tomara, né?! (risos). Estou muito feliz e espero continuar evoluindo – disse o atacante, que também comentou seu entrosamento com Firmino e Gabriel Jesus, os dois centroavantes da equipe.

– A movimentação é mesma, qualquer um deles tem qualidade. Eu me dou super bem com eles e espero continuar me sentindo à vontade para jogar, independentemente do parceiro. No segundo gol, eu troquei de posição com o Firmino e o Coutinho chegou na área. Isso é conversado nos treinamentos e nos jogos.

Jogos desde a Copa do Mundo

11: Richarlison

10: Arthur e Marquinhos

9: Casemiro e Coutinho

8: Firmino e Gabriel Jesus

7: Everton e Neymar

6: Alisson e Filipe Luís

Autor de cinco gols com a camisa da Seleção, Richarlison tentou minimizar as vaias da torcida no fim do primeiro tempo no Morumbi, mas admitiu que elas serviram como estímulo para um desempenho melhor no segundo tempo.

– Esperamos que façam barulho em todos os jogos, mas o importante é estarmos focados em campo. Com vaias ou cantoria da torcida, esperamos fazer um belo jogo na Bahia e sair com três pontos. Já joguei o Campeonato Brasileiro em estádios com poucas pessoas. Rolou até uma certa vaia no primeiro tempo, mas serviu de força para entrarmos mais focados no segundo tempo e abrirmos o marcador logo – afirmou.

Richarlison certamente será mantido na Seleção para o jogo de terça-feira, contra a Venezuela, em Salvador.

Fonte: Globo Esporte

Deixe seu comentário