Vladimir Putin diz que 'simpatizava' com Donald Trump desde antes das eleições de 2016

Presidente russo disse que apreciou 'desejo de Trump de restaurar as relações com Moscou'.

Foto: Reprodução / Web Donald Trump e Putin durante encontro do G20 em Osaka, Japão
Donald Trump e Putin durante encontro do G20 em Osaka, Japão

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, disse que "simpatizava" com Donald Trump antes das eleições presidenciais norte-americanas de 2016, que levaram o republicano ao poder. Segundo o russo, havia simpatia por causa do desejo do futuro presidente dos Estados Unidos de restaurar relações normais com Moscou.

Em uma entrevista ao cineasta norte-americano Oliver Stone datada de 19 de junho e publicada no website do Kremlin na sexta-feira, Putin também disse que supostos hackers russos não conseguiriam influenciar o resultado da votação.

O presidente russo reiterou que não interferiu e não interferiria nas eleições dos Estados Unidos.

Os laços entre Moscou e Washington há muito foram estremecidos por descobertas de agências de Inteligência e Segurança dos Estados Unidos – mas negadas pelo Kremlin – de que a Rússia teria tentado influenciar os resultados das eleições presidenciais de 2016 para aumentar as chances de Trump de conquistar a Casa Branca.

As agências norte-americanas dizem que a Rússia se utilizou da desinformação e de outras táticas para apoiar a campanha de Trump em 2016. Putin nega a acusação, e as investigações dos EUA também não concluíram que tenha havido conspiração.

"E o que quer seja que nossos blogueiros – eu não sei quem trabalha lá na internet – haviam expressado seus pontos de vista sobre a situação nos Estados Unidos desta ou daquela maneira, isso não pode ter desempenhado um papel decisivo. Isso não faz sentido", disse Putin.

"Mas nós já simpatizávamos com ele [Trump], porque ele disse que queria restaurar as relações com a Rússia. O que seria mal nisso? E claro, não poderíamos receber mal essa posição".

Fonte: G1

Deixe seu comentário